Monday, January 31, 2005

perto de ti

dei por mim a dançar na praia
subi à noite com a maré
fui nas ondas da minha saia
fiquei contigo fora de pé
perto de ti é onde eu quero estar

dei comigo a rolar na areia
o corpo nu vesti de luar
na vertigem da lua cheia
segui viagem p'ra te encontrar
perto de ti é onde eu quero estar

tal como um rio sou água a correr
sobre o teu peito, tão fora de mim
na madrugada o incenso a arder
deixa na pele um cheiro a jasmim
fico perdida de amor

perto de ti é onde eu quero estar
ao pé de ti sinto-me flutuar
perto de ti é onde eu quero estar
ao pé de ti sinto-me transbordar

letra: lena d'água e luís pedro fonseca,
música: carlos fortuna e luís pedro fonseca
álbum "perto de ti", 1982

16 comments:

Anonymous said...

Buaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa :comovida:


Marge

lena said...

;)**

Saltos Altos said...

Gosto desta varanda, traz-me uma sensação de paz e embala-me de mansinho ao som da tua voz. :) :***

Bock said...

Ehhhhhhhhhhhhhhhhhh

Bock said...

E que belas, as vistas cá da varanda!!!!

lena said...

:D

aiai, e o que falta ir buscar ao sótão!!
ufa

chOURIÇO said...

E está aberta uma nova casa.

Muito bem.

:)*

lena said...

:)*

Rodrigues said...

:):)


Fiuuuu, fiuuuu!
Linda, a nova casa! ;)

Rodrigues said...

As saudades que eu tinha deste poema...

Draco said...

Ai as recordações (boas?) que esta música me acorda!
Mas porque é que não editam estas perolas em CD?
:]

lena said...

algumas das canções saíram em colectâneas...

INVESTOR-ATHLETIC said...

LENA, ainda bem que tem um BLOG. Faz-me voltar aos tempos dos Ananga-ranga, Arte&Ofício, etc. De todas há uma música que gostava de colocar no meu BLOG: nuclear não obrigado. Como posso fazê-lo? Obrigada e felicidades

lena said...

precisava de saber onde páras...


;p

lena said...

mas o link do post tá aqui:

http://lenadagua.blogspot.com/2005/11/lena-dgua-atlntida-perto-de-ti-1982.html

AnaP said...

Ah, tem de haver uma versão em CD de uma canção tão bonita e com um poema sublime. Falha grave! Mas pode corrigir-se, não pode? ;-))