Wednesday, April 26, 2006

Comemorações dos meus 50 anos de carreira :D

Bom dia a todos! :)
tenho andado muito ocupada, ultima-se o DVD gravado ao vivo no HOT em dezembro :)

Em relação ao aproveitamento abusivo que o correio da manhã fez com destaque de 1ª página no domingo de páscoa, digo apenas que partiu da contínua e teimosa negação da assumidíssima homossexualidade do antónio, feita por alguns dos irmãos, que continuam ao fim destes anos todos sem o respeitar e aceitar como ele foi.
Um dos encontros luminosos da minha vida foi o encontro com o antónio variações, e quero que se conheça toda a verdade. Como participei no livro escrito pela manuela gonzaga, um trabalho muito sério e muitíssimo bem feito (sai brevemente!), trarei para aqui a minha parte e acrescentarei alguma coisa que não tenha sido incluída no livro da manuela :) e mais algumas fotos :)

*************************************

Quanto aos meus discos que não há à venda e às músicas que fui gravando e que não tiveram edição, vou melhorar o acesso a elas aqui no blogue e acrescentar as que forem sendo pedidas por vocês :)


Não há discos meus em lado nenhum, não recebo royalties de espécie alguma, e desde que deixei de pertencer a alguma editora nem sequer têm a educação de me avisar das colectâneas que têm sido fabricadas ao longo destes anos (descobri mais uma esta semana, em casa de uma pessoa amiga...).

Agora sou eu que faço o que entendo ser meu direito:
divulgar e distribuir gratuitamente tudo o que tenho em mp3 e wma, uma colecção pessoal e transmissível do meu trabalho na música desde 1976, maio, o mês em que subi ao palco pela primeira vez para cantar com os beatnicks, no liceu de sintra...
Para memória futura! LOL
@:}

14 comments:

Atlantys said...

Quem fala assim... ;-)
Sou cliente dos mp3 colocados à disposição hehehe
:-)****

Egrégora said...

E que ninguem a enfrente!!!

E que ninguem queira ver a de nome Lena D'Água em furia!!!!

E quando não te podes juntar a eles, fica contra eles!!!!

E assim é que é e tem de ser, e pronto, tou ctg!!!!


;)))))))))

AmigaTeatro said...

50 anos de carreira é lindo, óuó! :D

Em relação ao restante texto: 'e mainada!!!'


Sabes, tu és como a Bica: linda, linda, linda!! &)***








(Ontem perguntaram-me se era tua filha hahaha)

PortoCroft said...

Mainada! ;)

Joao Soares said...

Viva,Lena DÁgua
Julguei que iria falar do seu tema "Nuclear Não, Obrigado" a propósito de Chernobyl.Bom aqui esou para lhe dizer o poema que está no Bioterra.
Um abraço
http://bioterra.blogspot.com

Renatinho said...

Leninha,
Eu entendo lindamente a sua indignação em relação às editoras, e mais uma vez digo que adorava convidá-la para cantar algumas das coisinhas que fez para as crianças...
Mas quem sabe não temos uma ideia conjunta, hein?
Beijinhos e parabéns por esses aninhos lindos de carreira.
As colectâneas sempre nos matam a saudade de vê-la nas prateleiras das novidades, confesso :-)

Anonymous said...

Olá Lena
Parabéns... por tudo! Ah como é belo o mês de Maio!...
C.Marley

Maria & Fritz said...

Parabéns por estes 50 anos e pelo DVD que espero, saia em breve... e o meu profundo lamento pelas notícias infames, pelos royalties, pela falta de educação editoras (...que é o mímimo que se pode dizer delas) e por continuarmos privados da tua voz e da tua presença em palco.
Também gosto de gatos, os meus estão em www.bichogato.blogspot.com
Felicidades.

Blue C. said...

Lena, aqui estou para te dizer que acho fantástica essa tua decisão (rebelde, como só podia ser). Cá estarei para te ouvir. Um beijinho muito grande

gandratruck said...

yeeees.
assim é que se fala, gostei, pimba.

ora saia aí umas papas para a mesa do canto sff...ehehe
ups!!
;)

Xein said...

Ora bem!!! Assim mesmo é que é! ;)

Anonymous said...

Olá Lena

A televisão tem destas coisas, tanto nos dá pessegadas e anormalidades como o Big Brother, terapia colectiva como o Contra-Informação, programas pornográficos como o Eixo do Mal, como às vezes no meio de um zapping somos apanhados de surpresa pelo nosso passado presente. Foi o que me aconteceu ontem à tarde, caíram-me em cima os meus últimos 30 anos de vida ao acompanhar a tua entrevista.
Felicito a coragem e consistencia que mostras na forma como ressurges e no conteúdo deste blog, e, acima de tudo, a personalidade própria da nossa geração, de que tu és um bom exemplo. Penso que tens um lugar próprio no espaço da música portuguesa contemporanea e que deves lutar por ele. Desde que descobri a Ivete Sangalo que costumo comentar com os meus amigos que fiquei mais aliviado: finalmente tinha surgido alguèm que poderia ocupar o lugar da deslavada da Madona no mundo lusófono. No mundo português (e parte do lusófono também), esse lugar é obviamente teu.

Enfim, não ligues a estas divagações, possivelmente é a crise dos 50 que também me vão bater à porta este ano. Por coincidência, temos um jantar de colegas de liceu (D.Pedro V, 1974) no mês que vem, logo vejo se a crise é geracional e generalizada ou se é apenas pessoal…

lena said...

lol

leva na boa!
sobrevivemos a tantos que só temos que comemorar, enquanto há tempo...

muitos beijos
lena

To said...

Olá Leninha:
Não te vou desmentir porque se o dizes é porque é verdade mas eu que sempre te admirei estava lá no liceu de Sintra em frente ao campo do Sintrensse nessa altura e não soube de nada. Que pena. Agora fiquei mesmo chateado por esse acontecimento me ter passado ao lado. Ai que raiva......
Uma beijoca
Vale